Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Pamela, cantora da MK, aparece bebendo em festa

Conhecida principalmente entre os jovens e adolescentes cristãos a cantora Pamela não fez parceria com a Som Livre, empresa do grupo da Rede Globo, como outras celebridades gospel, pois é contratada da MK Music. Por essa gravadora ela lançou muitos sucessos que são cantados nas igrejas por aí afora. Mas recentemente Pamela apareceu em diversos blogs com supostas fotos suas bebendo champagne (ou segundo alguns, cerveja) e se divertindo em festas. Uma das fotos mostra a cantora na mesa com garrafas de cerveja Isenbeck.
As imagens caíram como uma bomba para os fãs, que agora se dividem ao defendê-la ou simplesmente negando tudo. Não houve um comunicado oficial da assessoria da cantora para a imprensa a respeito do caso. Até disseram que não era ela, que isso que aquilo, que é uma sósia etc. Vamos aguardar para ver a explicação do caso...
Para quem, como eu, não dá a menor pelota para essas “popstars” gospel, a informação sobre essa Pamela é que ela é quem canta a música “Um Verso de Amor”, lançada em 2002, que ainda aparece entre as mais pedidas nas rádios e ganhou versão em espanhol. Recentemente a canção recebeu, digamos, uma roupagem futebolística por conta do jogador Hernanes, do São Paulo, que homenageou sua esposa no Globo Esporte cantando um trecho.
A festeira, que mora no Rio de Janeiro há seis anos, comemorou: “Meu pai me ligou eufórico avisando. Fiquei surpresa e muito feliz! Prova que essa música nunca fica velha. E também é uma grande coincidência, porque meu time é o São Paulo” (Fonte: Portal Gospel +).
Se ela gostasse tanto assim de “são” Paulo, pelo menos poria em prática as instruções do apóstolo em Tito 2:6-8, 11-12: “Exorta semelhantemente os moços a que sejam moderados. Em tudo te dá por exemplo de boas obras; na doutrina mostra integridade, sobriedade, linguagem sã e irrepreensível, para que o adversário se confunda, não tendo nenhum mal que dizer de nós... Porque a graça de Deus se manifestou, trazendo salvação a todos os homens, ensinando-nos, para que, renunciando à impiedade e às paixões mundanas, vivamos no presente mundo sóbria, e justa, e piamente”; e I Timóteo 2: 9-10: “Quero, do mesmo modo, que as mulheres se ataviem com traje decoroso, com modéstia e sobriedade, não com tranças, ou com ouro, ou pérolas, ou vestidos custosos, mas (como convém a mulheres que fazem profissão de servir a Deus) com boas obras”.
Mas ainda tem mais. Por exemplo, Cláudia Machado era uma cantora gospel, mas agora se virou para o funk. Claudia chegou a gravar dois discos de música evangélica, mas mesmo dizendo servir a Deus, acaba de se lançar como Madame Funk, com a “música” “Eu nasci pra ser madame”.
“Sou cristã, mas me decepcionei muito com os cantores evangélicos. Tem muita gente que canta uma verdade como sendo a sua, mas nunca sentiu aquela emoção. Não dá para falar sobre certos sentimentos envolvendo Jesus sem ter vivido aquilo”, diz Cláudia, que conta ter sido muito criticada quando resolveu migrar para o funk: “Disseram que eu fiz pacto com o diabo”.
A funkeira parece não estar nem aí para as críticas e desce a lenha nas outras funkeiras: “É muito triste ver uma mulher cantando um funk, em que a mulher é tratada como objeto. Quero ser bem tratada”, diz a “Madame Funk”. “Essas letras que estão por aí não podem ser ouvidas por toda a família”, conclui.
Ex-cantora de coral, ela ainda é mais dura quando avalia a qualidade das concorrentes: “Não dá para dizer que estas meninas como a Valesca e a Tati Quebra-Barraco são cantoras. Elas só gritam. Não cantam nada”. Vejamos então a qualidade da letra da “música” da Madame… Veja se é coisa de crente… depois dizem que a gente está de perseguição…
Cabelos enrolados, lisos, cacheados
Andar de salto alto, ter sempre um rebolado
Gosto de passear, gosto de me cuidar
Minha pele bem macia, tudo em cima pra te amar
Ame, ame, ame, Eu nasci pra ser Madame
Ame, ame, ame, Eu nasci pra ser Madame
O brilho do meu olhar te deixa enfeitiçado
Minha boca te conquista, eu sou sua alquimista
Meus desejos saciados, são a sua garantia
Então me ame, ame, Eu nasci pra ser Madame
Ame, ame, ame, Eu nasci pra ser Madame
Ame, ame, ame, Eu nasci pra ser Madame

Agora durma-se com um barulho desses. Doa a quem doer...

  © Blogger templates Modelo: Shiny by Ourblogtemplates.com 2008 - personalizado por Georges - que ralou pra caramba!

Voltar ao INÍCIO